Envie informações,denúncias para:vauney-10@hotmail.com ,(99) 8137 5569 ou 8416 7976,sua informação será analisada e depois poderá se tornar matéria.

sexta-feira, 31 de julho de 2015

Preparem o bolso:conta de energia seguirá na bandeira vermelha em agosto



A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou nesta sexta-feira (31) que a bandeira tarifária seguirá vermelha no mês de agosto. Na prática, os consumidores vão continuar pagando mais caro pela energia consumida, já que a bandeira vermelha mostra que o custo para gerar energia no país está elevado, resultando em cobrança de taxa extra.
O sistema de bandeiras foi criado para sinalizar aos consumidores o real custo de produção da energia, o que é feito por meio da cor da bandeira impresso nos boletos das contas de luz. Se a cor é verde, a situação está normal e não há cobrança de taxa. Amarela, cobra-se R$ 2,50 para cada 100 kWh de energia consumidos. Se vermelha, a taxa sobe para R$ 5,50 para cada 100 kWh.
A bandeira vermelha está em vigor desde o início do ano, devido à falta de chuvas que reduziu o volume dos reservatórios das principais hidrelétricas do país. Essa situação vem obrigando o governo a manter ligadas todas as termelétricas disponíveis, mesmo com a melhora deste quadro em algumas regiões.
As termelétricas geram energia por meio da queima de combustíveis como óleo e gás. Elas ajudam a poupar água dos reservatórios das hidrelétricas, mas o custo de produzir eletricidade com elas é muito maior. A conta extra pelo uso das termelétricas é um dos itens cobertos pelas bandeiras tarifárias. Outro é a compra, por algumas distribuidoras, de energia no mercado à vista. Essas concessionárias recorrem ao mercado à vista quando precisam de mais eletricidade para atender aos seus consumidores do que aquela que têm sob contratos. O problema é que, no mercado à vista, a energia também é mais cara. 
Fonte: G1-DF

Eduardo Campos é homenageado pela Itaipava


Edição conta com o rosto do ex-governador e a frase "não vamos desistir do Brasil", usada durante campanha eleitoral

A cervejaria Itaipava está preparando uma edição especial da bebida para homenagear o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, que faleceu em um acidente aéreo, em Santos, litoral de São Paulo, em agosto de 2014,durante a disputa presidencial. De acordo com o jornalista Cláudio Humberto, o dono do grupo Petropólis – responsável pela marca Itaipava -, Walter Faria, teria sido o responsável pela ideia de colocar a imagem de Campos nos rótulos da edição da cerveja produzida em Pernambuco.
Campos e Faria ficaram criaram uma ligação bastante forte quando Campos, então governador do Estado, conseguiu convencer o empresário a montar uma unidade da Itaipava em Pernambuco. O projeto, orçado em cerca de R$ 600 milhões, entrou em operação no ano passado e a fábrica pernambucana, segunda do grupo a operar no Nordeste, possui capacidade para produzir até 600 milhões de litros de cerveja. 

Ceslap faz convite para Simpósio do Plano de Desenvolvimento Institucional-PDI da UEMA


A coordenação do Centro de Estudos Superiores de Lago da Pedra convida representantes de órgãos governamentais e não-governamentais a participarem do Simpósio do Plano de Desenvolvimento Institucional-PDI da UEMA que acontecerá no dia 3 de agosto,no Fórum Desembargador José Joaquim Ramos Fiugueiras,a partir das 15h.


Pablo Sales vai de contra-ataque:´´é assim,é?Esperem só!``



Neste sábado,dia 1º de agosto,o vereador e pré-candidato a prefeito de Lago da Pedra,Pablo Sales,estará,a partir das 16h,em solenidade de abertura da 2ª Copa Rural organizada por ele,com apoio do deputado federal Rubens Júnior e lideranças da oposição versão 2016,com uma super premiação.A abertura da maior competição esportiva do interior do Maranhão,que reunirá mais de 20 povoados da zona rural do município,acontecerá no povoado Lagoa Seca.O time da Casa enfrentará a equipe do povoado Palmeiras.

Após o jogo acontecerá o bingo de uma novilha no valor de mil reais,as cartelas serão grátis.Ao termino do bingo acontecerá festa com o Paredão Adelp.

E o mais...não sei.Surpresa?Será?

União da oposição de Lago da Pedra, base apoiada por Flávio Dino, mexeu com o cenário político- eleitoral




A união da oposição de Lago da Pedra, base apoiada pelo governador Flávio Dino, que aconteceu no sábado,dia 25,e foi veiculada neste blog na segunda-feira(27) tem gerado milhares de acessos por dia, foi a matéria mais lida da semana no blog com 25635 acessos, de segunda até o fechamento deste post. É tanto que a matéria continua na lateral do blog como a mais acessada da semana. (Veja a matéria aqui )

Podemos dizer que a oposição de Lago da Pedra, versão 2016,sacudiu,e muito.




Bela iniciativa!Projeto cria praça ecológica na zona rural de Lima Campos,feita com material reciclável


Professor Marcos Suendel

O que fazer com pneus velhos e garrafas pet?O professor Marcos Suendel entrou em contato com o titular do blog para expor projeto que desenvolveu no Povoado São José dos Mouras,na zona rural de Lima Campos.

O professor conta com ajuda da comunidade e alunos que reciclam pneus,mangueiras,garrafas pet e outros materiais.O que iria parar no lixo e degradar a natureza,acaba virando arte para construir a praça ecológica.A ideia é que a praça esteja concluída até o final do ano.

No início quando tinha apenas alguns pneus enterrados,as pessoas passavam,olhavam, não entendiam e riam do projeto. Agora,passam e elogiam, veem que tudo está ficando interessante”. Falou Dona Antonia, uma ex-professora da escola e colaboradora do projeto. 

Para o professor Marcos Suendel,é mais que uma aula de artes,é também aula de cidadania.“Poder ensinar para esses alunos,manejo na pintura, mistura de cores primárias para obter cores secundárias ,é gratificante.Mas o mais importante é a aula de cidadania que eles vão levar para o resto da vida” ,diz o professor.

Uma bela iniciativa que pode ser copiada e levada a outras localidades,podendo ser implantada em escolas, jardins, praças e ruas. Além de deixar o ambiente com uma estética mais interessante,o meio ambiente agradece.




Governo e TJ firmam acordo sobre dados financeiros de servidores do Estado


Por meio de um Termo de Cooperação firmado nesta quinta-feira (30), entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Gestão e Previdência (Segep) e o Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), os juízes de varas da fazenda pública terão acesso ao sistema de fichas financeiras dos servidores públicos estaduais.
O objetivo do acordo é contribuir com a celeridade das ações propostas por servidores contra o Estado do Maranhão e ao cumprimento das decisões judiciais, reduzindo a necessidade de intimações para esse fim.
O termo foi assinado pelo secretário de Estado da Gestão e Previdência, Felipe Camarão; pelo presidente em exercício do TJMA, desembargador Antonio Fernando Bayma Araújo; e pelo procurador-geral do Estado, Rodrigo Maia Rocha.
Felipe Camarão destacou a ação como uma colaboração mútua entre os dois órgãos, pois a Segep é muito demandada para fornecer fichas financeiras de servidores que entram com ações judiciais. “Quando as solicitações são encaminhadas para a secretaria, passam por procedimentos burocráticos que acabam por refletir no andamento dos processos. O interesse na facilitação do acesso às informações de domínio público é mútuo e garante celeridade ao trabalho dos dois Poderes”.
O acesso se dará de maneira on-line, por meio do site da Segep. Os usuários devem ser cadastrados, terão acesso somente aos dados de fichas financeiras. A Segep será a responsável pelo treinamento destes usuários do Poder Judiciário.
Governo do Maranhão

Governo e Força Nacional discutem capacitação em Segurança Pública


Discutir o ingresso de policiais militares na seleção para participarem da Instrução de Nivelamento de Conhecimento (INC) ofertado pela Força Nacional de Segurança Publica órgão subordinado à Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça. Este foi principal assunto da reunião do secretário de Estado Segurança Pública, Jefferson Portela, e demais gestores da segunda pública do Maranhão, com representantes da Força Nacional, na quinta-feira (30), em São Luís.
O curso ocorrerá em São Luís entre os dias 03 e 21 de agosto do próximo ano e terá como coordenador o comandante do Policiamento Especializado (CPE), coronel Pereira e membros da Força Nacional. O processo seletivo será realizado em duas etapas eliminatórias. Os candidatos serão submetidos à Junta Militar de Saúde da PMMA e aplicado o Teste Especial de Aptidão Física (TEAF). O seletivo tem como finalidade, aperfeiçoar homens e mulheres para integração de futuros membros de equipe da Força Nacional.
Governo do Maranhão

Moradores da rua Santa Terezinha em Lago da Pedra sofrem com poeira, mostram insatisfação e improvisam carro-pipa



Moradores da rua Santa Terezinha, em Lago da Pedra, sentem o abandona. Já sem asfalto em boa parte da rua, são obrigados a conviver diariamente com a poeira.

Além de sujar, a poeira que toma conta das residências, prejudica a saúde dos moradores, principalmente das crianças.

Para amenizar a situação,um morador adaptou seu automóvel para carro-pipa,todos os dias ele puxa uma carroça com caixa d´água  para aguar a rua.

E ainda falam em Modernidade e Desenvolvimento?Onde?Quando?Desse jeito?Não,não!

quinta-feira, 30 de julho de 2015

Dilma propõe a governadores pacto nacional



Por Magno Cesar
A presidente Dilma Rousseff disse aos governadores brasileiros, em reunião, hoje, no Palácio da Alvorada, que a saída em momentos de crise, como o atual, é fazer mais com os recursos existentes, tornando-os mais eficientes. Nesse sentido, ela propôs um pacto nacional pela redução dos homicídios no País. Segundo a presidenta, essa proposta tem origem no fato de o Brasil ser hoje a nação com maior número absoluto de homicídios.
“A taxa nacional de homicídios é 23,32 homicídios por 100 mil habitantes, quando o número aceitável, segundo padrões internacionais, é até 10 por 100 mil habitantes. Por isso, propomos aqui nossa cooperação federativa, concentrando esforços – União, estados, municípios e integrando o Judiciário – para enfrentarmos o problema”, conclamou.
Dilma lembrou que, a cada dez minutos, uma pessoa é assassinada no País e que a proposta de um pacto nacional para a redução de homicídios dolosos, isto é, aqueles praticados intencionalmente, seja feita com base em políticas sociais focadas prioritariamente nos territórios vulneráveis em todas as 27 unidades da Federação.
Disse acreditar que, pela cooperação, é possível interromper o crescimento do número de homicídios e obter uma redução média significativa entre 2015 e 2018.
Déficit carcerário – A segunda área de cooperação entre os poderes, defendida pela presidenta Dilma, foi para a redução do déficit carcerário e reintegração social do preso. Ela apontou que o Brasil tem um acelerado crescimento da população prisional de 7% ao ano, enquanto outros países estão reduzindo esse percentual e que é preciso ter estrutura para enfrentar esse problema.
“Temos hoje uma população prisional de mais de 600 mil detentos para um total de mais de 376 mil vagas, totalizando um déficit de um pouco mais de 231 mil de superlotação nas unidades prisionais. Além disso, é importante constatar que 41% desse total é de presos provisórios e que existem outros mais 460 mil mandatos de prisão não cumpridos”, alertou.
Se somados, esses dados mostram uma situação que exigiria dobrar o sistema carcerário brasileiro para atender a demanda. “Aí, também, propomos uma cooperação”, disse.
Pronatec Aprendiz – Ainda sobre criminalidade, a presidenta citou o programa Pronatec Aprendiz, lançado nesta semana, que visa dar tratamento especial para o jovem em situação de vulnerabilidade, exposto à violência.  Para Dilma, essa é uma alternativa para, em vez de levar os adolescentes à prisão, como propõem os defensores da redução da maioridade penal, pode ‘levá-lo para o caminho da ética, do trabalho e do aprendizado. Esse programa Pronatec Aprendiz é baseado fundamentalmente em microempresas e também no microempreendedor individual”.
Destacou ainda, na questão da saúde, o programa de segurança no trânsito em defesa da vida, afirmando que o País vive uma situação grave nessa área.

Pautas-bomba: Dilma apela a governadores




Portal G1 -A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quarta-feira (30), na abertura de reunião com governadores de todos estados, que a redução da inflação é a condição para um novo ciclo de expansão da economia. Ela defendeu as medidas adotadas pelo governo para controle de gastos e alertou que projetos em tramitação no Congresso vão gerar mais despesas, se aprovados, e podem afetar os estados.Como instrumento para conter a inflação, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central elevou nesta terça-feira (30) a taxa de juros básicos da economia de 13,75% para 14,25% ao ano. Foi a sétima elevação consecutiva da taxa, que atingiu o maior patamar desde julho de 2006, quando estava em 14,75% ao ano.


"O primeiro passo para esse ciclo [de expansão] é justamente garantir o controle da inflação, porque a inflação corrói tanto a renda dos trabalhadores como o lucro das empresas. E promover o reequilíbrio fiscal, a estabilidade fiscal. (...) Essa redução da inflação vai criar as bases para um novo ciclo de expansão sustentável do crédito", afirmou a presidente, sentada à ponta de uma mesa retangular, no Palácio da Alvorada, com governadores e ministros dos dois lados.

"A estabilidade fiscal do país é muito importante e a estabilidade econômica do país é muito importante. E é uma responsabilidade de todos os poderes da federação. A União tem de arcar com a responsabilidade, liderar esse processo e assumir os seus, todos os seus, todas as suas necessidades e condições. E, ao mesmo tempo, nós consideramos que como algumas medidas afetam os estados e, portanto, afetam o país, os governadores também têm de ter clareza do que está em questão", afirmou a presidente.

Governadores definem pauta comum antes de reunião com Dilma



Agência Brasil (Brasília) – Governadores de pelo menos 18 estados participam de um almoço em Brasília. Na pauta, a elaboração de uma agenda de consenso que será defendida durante a reunião com a presidente Dilma Rousseff, marcada para as 16h, no Palácio da Alvorada.
“Vamos tratar do ajuste fiscal e dessa parte relacionada às medidas que possam contribuir para o pacto federativo e para o crescimento econômico”, informou o governador do Piauí, Wellington Dias (PT).
De acordo com o governador piauiense, o encontro deve ser um momento para discutir condições que viabilizem alternativas para o crescimento econômico e de geração de empregos, “a partir dos ajustes necessários para o país”.
Um dos temas mais importantes da reunião é a reforma do Imposto sobre Comercialização de Mercadorias e Serviços (ICMS). O assunto divide estados, principalmente os que vão perder receita. Nesses casos, a preocupação é saber como as perdas serão compensadas.
“No caso do ICMS a proposta encaminhada pelo Confaz conta com o apoio dos estados brasileiros. Desejamos encontrar no Congresso um ambiente para aprovação da resolução e das leis que criam os fundos”, explicou Dias.
Segundo ele, o objetivo é garantir a unificação de alíquotas, “que é bom para os empreendedores, porque desburocratiza e permite novos empregos”, e o equilíbrio das contas dos entes da Federação. Dias acrescentou que os fundos de Compensação e o de Desenvolvimentismo são fundamentais. Para o governador do Piauí, a proposta de repatriação do dinheiro de brasileiros no exterior não declarados à Receita Federal trará uma fonte robusta de receitas.
Pela proposta, apresentada pelo senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) e que tramita em regime de urgência no Senado, serão cobrados multa e impostos na recuperação dos recursos. O percentual cobrado será de 35% dos recursos não declarados – 17,5% de multa e 17,5% de impostos.

Vereador denuncia vergonhoso aniversário de ´´esgoto``em rua de Lago da Pedra





Esgoto no cruzamento das ruas 1º de Maio e José Alencar,em Lago da Pedra,têm deixado os moradores e comerciantes da área,aborrecidos.A água suja que escorre causa um mal cheiro que incomoda a todos.

Os moradores voltaram a levar denúncia ao vereador Julyfran Catingueiro que há mais de dois anos levou indicação ao executivo pedindo a construção de uma sarjeta no local.

Todos aguardam sensibilidade por parte do Governo Municipal.

´´Ja faz mais de 2 anos desde a minha primeira indicação,para a construção da sarjeta no cruzamento das ruas 1° de Maio com a José de Alencar. Os moradores das ruas citadas voltaram a nos procurar e diante das solicitações fizemos uma segunda indicação ao executivo municipal para que resolvesse este problema. Ate o momento a resposta foi o silêncio.
Até quando seremos obrigados a conviver com esses descasos ? Até quando as reivindicações do povo não serão atendidas. Nossa parte estamos fazendo que é indicar, cobra e fiscalizar. Falta quem pode executar, fazer a sua parte
``,disse o vereador.

Governador Flávio Dino e secretários avaliam os seis primeiros meses do Programa ‘Mais IDH’



Monitorar ações e projetos para alcançar bons resultados em cada etapa de execução do Plano de Ações ‘Mais IDH’. Esse foi um dos temas da reunião entre o governador Flávio Dino, técnicos e secretários do Governo do Estado sobre os projetos nas áreas da Saúde, Educação, Desenvolvimento Social e Agricultura para os municípios com o menor IDH no Maranhão.
A superação das primeiras metas estabelecidas pelo Mutirão Mais IDH, as ações realizadas pelas secretarias e a importância do acompanhamento permanente das ações foram alguns dos destaques da reunião. “Avaliar as ações do Governo é muito importante. Temos ações concretas já realizadas, que progressivamente elevam a qualidade de vida das pessoas. Esse é um modelo vitorioso que será instituído em outras cidades a partir dos passos concretos nas 30 cidades inicialmente selecionadas”, disse o governador.
O Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc), utiliza os eixos “Cultura e Turismo”, “Educação”, “Saúde”, “Renda” e “Gestão e Meio Ambiente”, para conhecer, diagnosticar e monitorar a realidade de cada municípios com base nesses aspectos. Até o final de agosto serão apresentados os diagnósticos, os Atlas e os Mapas do ‘Mais IDH’ com informações sobre Saúde, Renda, Meio Ambiente, Educação, Infraestrutura e Gestão das 30 cidades do Plano.
O encontro foi um momento de avaliação e monitoramento dos prazos estabelecidos para as ações nos municípios com menor IDH do estado. O coordenador do Comitê Gestor do Plano de Ações ‘Mais IDH’, Francisco Gonçalves, destacou a importância do encontro e assegurou a concentração de esforços para que o cronograma dos trabalhos continue em plena execução no 2º semestre.
Estavam presentes os secretários estaduais Neto Evangelista (Desenvolvimento Social), Adelmo Soares (Agricultura Familiar), Áurea Prazeres (Educação), Francisco Gonçalves (Direitos Humanos e Participação Popular), Marcelo Tavares (Casa Civil), Flávia Alexandrina (Cidades), Márcio Jerry (Assuntos Políticos e Federativos), Julião Amin (Trabalho), Gerson Pinheiro (Igualdade Racial), o presidente da Caema, Davi Telles e técnicos das secretarias.
Balanço de Ações dos principais projetos do ‘Mais IDH’:
ProjetoAtuaçãoStatus
Força Estadual de Saúde do Maranhão (FESMA)Ações na área de Atenção Básica, combate à Mortalidade Infantil, Hanseníase, Diabetes, Hipertensão e Mortalidade Materna.6 equipes de referência estão atuando em 6 municípios do Mais IDH;
Em processo licitatório para contratar a empresa responsável pelo concurso público para os cargos na área da Saúde.
Programa Escola DignaSubstituir as escolas de taipa e barro por prédios de alvenaria.Foram elaborados projetos executivos para o início das obras; processo licitatório em andamento.

Jornada de Alfabetização (Programa Brasil Alfabetizado)Execução de Programa de Alfabetização nas salas de aula.22 municípios do Mais IDH já aderiram ao edital do Programa Brasil Alfabetizado (PBA)
Mobilização pela Alfabetização (Programa “Sim, eu posso”).Campanha de Alfabetização em 8 municípios do Mais IDH.Reuniões com os comitês municipais para implantação em agosto.
Cozinhas ComunitáriasFornecimento de refeições aos moradores dos municípios; espaço para capacitação profissional, ensino de técnicas e cuidados com a alimentação.Foram elaborados os Termos de Referência para compra de equipamentos, construção e contratação da empresa para fornecer as refeições.
Abastecimento de Água SimplificadoCriação de 92 sistemas de abastecimento de água simplificado para os municípios do Mais IDH.Selecionadas as comunidades e famílias nos 30 municípios; os terrenos já foram doados; processo de licitação e elaboração de projetos e termos de referências.
Mais Bolsa Família EscolaBenefício que concede R$ 46,00 para as famílias com crianças e jovens em idade escolar ( 4 a 17 anos) para a compra de materiais escolares no mês de janeiro.Lançamento do Programa; seleção do público beneficiário; estabelecimento de parcerias.
Minha Casa, Meu MaranhãoConstrução de 1000 casas em 10 municípios do Mais IDH.Fase de contratação e licitação para construção das casas nos 10 municípios.
Mais Agricultura FamiliarFormação, capacitação e assistência técnica aos pequenos produtores nos municípios do Mais IDH.Formação de 118 técnicos para capacitar as famílias beneficiárias.
Abastecimento água tratada com rede plena de distribuiçãoFornecer água tratada para os municípios, com instalação de poços que abasteçam os municípios.Criado o Sistema de Abastecimento no município de Primeira Cruz; iniciadas as visitas de campo; tratativas sobre regularização fundiária dos lotes que serão utilizados nas obras.
Governo do Maranhão

Grave acidente na BR-226 próximo a Tutum deixa duas pessoas mortas



Na tarde desta quarta-feira (29) aconteceu um grave acidente envolvendo um Fiat Uno e um caminhão na BR -226,no povoado Cigana,zona rural de Tuntum,deixando duas pessoas mortas.

As vítimas fatias foram identificadas como sendo Francinaldo Silva de Oliveira,de 38 anos,que transportava remédios no Fiat Uno que ficou totalmente destruído e o carona,identificado apenas como Kleyton.Os dois de Barra do Corda.

O motorista do caminhão saiu apenas com escoriações.

Procon divulga valores de pacotes turísticos pelo Maranhão


A Gerência de proteção e Defesa do Consumidor do Maranhão (Procon-MA),por meio de pesquisa,listou preços de pacotes de turismo para alguns dos principais destinos turísticos do estado.Foram divulgados valores de passeios a Alcântara,Barreirinhas e Carolina.

Para Alcântara, cidade colonial e histórica, o valor mais baixo encontrado, por pessoa, é R$90,00. O valor é exclusivo para grupos que tenham, no mínimo, quatro turistas. O pacote faz a viagem no estilo ‘bate e volta’, em que o viajante não pernoita na cidade, retornando no mesmo dia. No valor está incluso transfer, passeio de catamarã para ir e voltar, guia turístico e transfer para a volta ao hotel.

Para Barreirinhas, cidade que dá acesso ao Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, o menor preço, no estilo bate e volta, é R$120,00. Pelo valor, o turista viaja de van até a cidade, faz o passeio pelas lagoas em caminhonete 4×4 e retorna no fim da tarde para São Luís.
Já para Carolina, no sul do Maranhão, a distância impede o esquema de viagem curta. Os pacotes geralmente incluem estadia na cidade. Incluindo três diárias, em quarto triplo ou quádruplo, além de taxas ambientais para a entrada nos santuários e cachoeiras acompanhado de guia credenciado, o preço mais baixo encontrado para o passeio é R$1143,00.






type='text/javascript'> window.setTimeout(function() { document.body.className = document.body.className.replace('loading', ''); }, 10);