terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Em entrega de equipamentos agrícolas, Weverton destaca parceria entre Governo do Maranhão e parlamentares





Tenho dito, de forma repetida, que a receita para enfrentar esta crise é justamente a parceria entre o Governo do Maranhão, deputados estaduais, federais e prefeitos”, disse o deputado federal Weverton (PDT), nesta terça-feira, 16, no Palácio dos Leões, durante a entrega de 10 patrulhas agrícolas e quatro retroescavadeiras para 12 municípios maranhenses que integram os programas Agropolos e Mais Produção, desenvolvidos pela administração estadual. 

Fazendo uma menção ao ano de Copa do Mundo, o parlamentar disse que o governador Flávio Dino (PCdoB), como bom técnico de um time, tem feito o enfrentamento dessa fase com muita competência. E destacou que esta é mais uma ação concreta em apoio à agricultura familiar dos municípios e, consequentemente, do estado. 

A aquisição das retroescavadeiras foi possível graças às emendas dos deputados federais Weverton (PDT), André Fufuca (PP), Zé Reinaldo (PSB) e Vitor Mendes (PSD). Elas foram entregues aos  municípios de Balsas, Alcântara, Santa Luzia do Paruá e Grajaú. Os municípios beneficiados com as patrulhas foram Fortuna, Vila nova dos Martírios, São João Batista, Benedito Leite, Fortaleza dos Nogueiras, Alto Parnaíba, Tasso Fragoso, Grajaú, Humberto de Campos e Santa Luzia do Paruá.

Durante a solenidade, o governador Flávio Dino falou que essa parceria tem sido fundamental na conquista de avanços para o estado: “No bom debate, em que não se falseiam dados, nós comparecemos com muita serenidade, porque temos êxitos a apresentar a partir da formatação de uma estratégia de governo que prima pelo desenvolvimento”.



Prefeitura de Lago do Junco recebe recursos federais para pavimentação de ruas



imagem ilustrativa

A prefeitura de Lago do Junco recebeu no último mês de dezembro a primeira parcela do convênio de nº 819598, mantido com o Ministério das Cidades para pavimentação de vias urbanas. As informações foram apuradas pelo Blog junto ao Portal da Transparência do Governo Federal.

No dia 28 de dezembro de 2017 foi liberado a primeira parcela, no valor de R$ 197.100,00 ( cento e noventa e sete mil e cem reais). O valor total do convênio firmado é de R$ 394.200,00 (trezentos e noventa e quaro mil e duzentos reais).

Novo helicóptero irá reforçar combate à criminalidade na região Central do estado





Maranhão ganha novo helicóptero, para fortalecer o combate à criminalidade no interior do estado. O equipamento, que chegou nesta segunda-feira (15), foi anunciado e apresentado pelo governador Flávio Dino, por meio das redes sociais.

O helicóptero, irá integrar a base do Centro Tático Aéreo (CTA), que será inaugurada em Presidente Dutra.

O dispositivo, equipado, e com atiradores de elite à bordo, prestará importante auxílio, principalmente, no combate a assaltos e explosões a agências bancárias na região Central do estado, que alcança dezenas de municípios, entre eles os da região dos Lagos. 

Com investimentos no sistema de segurança, o Governo do Estado conseguiu reduzir em 40% os homicídios, ressalta Dino.

[OPINIÃO] Improvável duelo eleitoral: Flávio Dino X Roseana



Por Robson Paz
O duelo eleitoral entre o governador Flávio Dino (PCdoB) e a ex-governadora Roseana Sarney (MDB) parece cada vez mais improvável. A mdebista apostava em três fatores para entrar na disputa pelo governo do Estado: viabilidade eleitoral, apoio político e poderio midiático.
Com base nesse tripé, o plano do grupo Sarney era consolidar o projeto até dezembro de 2017. Janeiro chegou e todos os cenários são amplamente desfavoráveis à tentativa do sarneísmo voltar ao poder.
No âmbito eleitoral, as pesquisas divulgadas pela TV Difusora e pelo Jornal Pequeno, em dezembro passado, mostraram favoritismo do governador Flávio Dino à reeleição.
Além de ver Dino liderar com mais de 60% dos votos válidos, Roseana Sarney, variando entre 27% e 30% das intenções de voto, tem a maior rejeição entre os pré-candidatos, segundo dados dos Institutos Exata e Datailha.
Na seara política, a desvantagem de Roseana Sarney é ainda mais visível. Enquanto o governador comunista manteve praticamente intacta a aliança que o levou ao Palácio dos Leões, em 2014, a mdebista amarga quase completo isolamento. A maioria dos partidos historicamente aliados do sarneísmo anunciou apoio ao governo e à pré-candidatura do PCdoB.
Ao menos seis legendas PRB, PP, PR, DEM, PROS e PTB estarão na aliança liderada por Flávio Dino.
Não por acaso, o ex-senador José Sarney vetou a nomeação do deputado federal Pedro Fernandes (PTB) para o Ministério do Trabalho. A desesperada tentativa de recuperar o apoio do PTB tinha o simbolismo de um troféu a ser exibido pelo chefe maior da oligarquia como demonstração de força para os políticos. Deu com os burros n’água!
A postura firme, leal do presidente do PTB escancarou ao Maranhão e ao Brasil, a política coronelista e retrógrada praticada por Sarney e a candidatura caricata de Roseana Sarney.
– Mas, Sarney é detentor de um império midiático capaz de causar avarias na imagem de governos e políticos. Diria, um observador!
Sim, verdade que Sarney tem um oligopólio de comunicação encabeçado pela afiliada da Rede Globo, dezenas de emissoras de TVs e outras tantas de rádios, jornal e portal de internet. De fato, não é desprezível!
Contudo, o ambiente da comunicação do Maranhão não mais permite a criação de factóides como a “morte e ocultação de cadáver de Reis Pacheco”, sem a devida constatação da verdade com a celeridade e pluralidade propiciada pela internet e redes sociais.
Ademais, pelo menos, metade da população do estado não se informa pela TV Mirante, pois acessa TV por parabólica. Cada vez maior também é o índice da população com acesso à internet, especialmente via celular. Isto é, com informações ao alcance das mãos.
Com o revés do clã Sarney nos campos eleitoral, político e midiático, resta-lhes a influência sobre o presidente Michel Temer e o apoio deste para Roseana Sarney. Recente pesquisa divulgada pelo Ibope mostra que 90% dos eleitores não votam em candidatos que apóiam governo Temer.
Decerto, uma temeridade para a improvável candidatura de Roseana Sarney. O Maranhão está próximo de se livrar-se de vez do passado coronelista.
Radialista, jornalista. Secretário adjunto de Comunicação Social e diretor-geral da Nova 1290 Timbira AM

Contas públicas do Maranhão melhoram em 3 anos de governo, mostra jornal O Estado de S. Paulo





A manchete do jornal O Estado de S. Paulo desta terça-feira (16) traz um levantamento sobre a piora da situação fiscal dos Estados em geral – ou seja, da forma como eles estão lidando com o dinheiro público. Apenas cinco Estados tiveram melhora nas contas públicas nos últimos três anos. Entre eles, está o Maranhão.

Os Estados de Alagoas, Paraná, Ceará, Maranhão e Piauí foram os únicos cujas contas não se deterioraram nos últimos três anos”, afirma a reportagem. O período é o mesmo da atual administração do Governo do Maranhão.

Enquanto a maioria aumentou o déficit, o Maranhão teve variação positiva de 0,4% de 2015 a 2017. Ou seja, desde que o governador Flávio Dino assumiu o cargo, a saúde fiscal do Maranhão melhorou – como têm apontado diversos estudos nacionais e independentes.

O resultado se torna ainda mais significativo ao levar em conta que o Maranhão tem vivido um dos mais robustos ciclos de investimentos públicos da história, com obras em todas as regiões do Estado

A situação do Maranhão contrasta com a da maioria do país, mostra a reportagem do Estadão: “O peso crescente da folha de pagamento e a queda de arrecadação provocada pela crise econômica fizeram com que em três anos – do início de 2015 ao final de 2017 – os Estados saíssem de um resultado positivo de R$ 16 bilhões para um déficit de R$ 60 bilhões em suas contas”.

Reconhecimento nacional

Na sexta-feira passada (12), o jornal O Globo já havia mostrado que o Maranhão é o segundo Estado que melhor controla os gastos em todo o Brasil.

Em dezembro, o Boletim de Finanças divulgado pelo Tesouro Nacional já havia mostrado que o Maranhão tem saúde fiscal mais sólida do que tinha em 2014. Em 2014, a nota da Capacidade de Pagamento (Capag) do Maranhão era C. Segundo o boletim do Tesouro divulgado na quarta-feira (6), o Maranhão agora tem uma nota B, desempenho que vem se mantendo desde 2015.

Segundo a classificação do Tesouro Nacional, as notas A e B indicam boa situação fiscal. Já os conceitos C e D sinalizam o contrário. O Tesouro Nacional é um órgão do Governo Federal.

Ou seja, entre 2014 e 2017, o Maranhão passou de uma situação ruim para um cenário adequado.

Além disso, em 2017, a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro publicou estudo apontando o Maranhão como o segundo Estado com a melhor situação fiscal do país.

Ex-secretário e o ex-presidente da CPL de Paço do Lumiar são condenados por improbidade a pedido do MPMA


Promotoria de Justiça em Paço do Lumiar

O ex-secretário municipal de Orçamento e Gestão, Francisco Morevi Rosa Ribeiro, e o ex-presidente da Comissão Permanente de Licitação de Paço do Lumiar, Luis Carlos Teixeira de Freitas, foram condenados em Ação Civil Pública por atos de improbidade administrativa, movida pelo Ministério Público do Maranhão.

Os ex-gestores foram acionados devido a irregularidades em processos licitatórios realizados pelo município de Paço do Lumiar em 2009 e por terem descumprido normas orçamentárias e financeiras para empenho das despesas.

Na sentença assinada pelo juiz Ernesto Guimarães Alves, em 18 de dezembro passado, os réus receberam as penalidades previstas na Lei nº 8.429/92: suspensão dos direitos políticos pelo prazo de dois anos; pagamento de multa no valor de três vezes a remuneração recebida à época, a ser revertida para o Município de Paço do Lumiar, acrescida de correção monetária pelo IPCA e juros de 0,5% ao mês, a contar desde a citação; proibição de contratar ou receber qualquer tipo de benefício do Poder Público, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de dois anos.

A Ação Civil Pública, que teve a autoria dos promotores de justiça Gabriela Brandão da Costa Tavernard, Reinaldo Campos Castro Junior e Samaroni de Sousa, foi baseada em irregularidades apontadas pelo Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE-MA) na prestação de contas do Município no exercício financeiro de 2009.

As principais irregularidades observadas pelos técnicos do TCE envolveram dois processos licitatórios (modalidade carta-convite). O primeiro – nº 27/2009 – teve como objeto a contratação de serviços de pavimentação asfáltica em avenidas do Maiobão no valor de R$ 145.987,07, em que saiu vencedora a construtora Ires Engenharia Comércio e Representações.

Na outra carta-convite – nº 39/2009 –, foi contratada a prestação de serviços de pavimentação na localidade Sítio Grande, no valor de R$ 146.198,23.

Em ambos os processos licitatórios, foram detectadas, entre outras situações irregulares, a presença de assinatura falsa de um contador em diversos documentos; não publicação de contratos; ausência da assinatura de engenheiro nos projetos básicos; falta de projetos técnicos e de Anotação de Responsabilidade Técnica.

ABSOLVIDOS

Apesar de também terem sido acionados pelo Ministério Público, as empresas vencedoras das licitações e seus representantes legais (Ires Engenharia Comércio e Representações Ltda e seu representante João Luciano Luna Coelho, e a Construtora Majovep Ltda e seu representante Cledvaldo Veras Pereira) foram absolvidos.

Prefeitura e Governo do Estado revitalizam estrada vicinal em Lago da Pedra





A estrada vicinal que liga a sede do município de Lago da Pedra aos povoados Santo Antônio, Santa Catarina, Umbaca, Cocalinho e Poço Dantas está sendo recuperada, devido a parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado.

Os serviços contam com empiçarramento e patrolamento da via.

A revitalização, do trecho de 29 km, vai melhorar a  trafegabilidade, beneficiando centenas de famílias que utilizam a estrada constantemente para ter acesso a serviços básicos na cidade. Além, também, de garantir acesso do ônibus escolar no período chuvoso, que se inicia.

Há anos, os moradores das referidas comunidades, que enfrentavam dificuldades no deslocamento, principalmente no inverno, aguardavam o benefício. 

O Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar, fez investimento na ordem de R$ 902.114,20 ( novecentos e dois mil, cento e quatorze reais e vinte centavos).

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Incentivo à agricultura familiar agora é lei no Maranhão





O governador Flávio Dino sancionou a lei aprovada pela Assembleia Legislativa que cria o Programa de Incentivo à Agricultura Familiar no Maranhão. Isso significa que as ações para estimular os pequenos agricultores agora estão protegidas por uma legislação específica.

A autoria da lei é do próprio Governo do Maranhão. Ela prevê a distribuição de equipamentos e materiais agrícolas, tanto para associações quanto para produtores individuais. A ideia é incentivar o comércio para elevar a renda dos agricultores e aumentar a produção, bem com a competitividade desse segmento.

Com a criação da lei, iremos dinamizar e elevar a produção agrícola consolidando, dessa forma, a economia do nosso Estado e levando dignidade e qualidade de vida ao homem do campo”, diz Adelmo Soares, secretário de Estado da Agricultura Familiar (SAF).
Quem é beneficiado.

A lei também define quem é o agricultor familiar. Para ser enquadrado nessa categoria, ele não pode extrapolar a posse de uma determinada área (varia de acordo com o município) e precisa usar predominantemente mão de obra da própria família.

É preciso atender, ainda, a um teto de renda familiar e ser o dono do empreendimento ou estabelecimento.

A lei também beneficia silvicultores, aquicultores, extrativistas, pescadores, povos indígenas e quilombolas, desde que atendem os quesitos ou parte dos quesitos já citados. A verba para o Programa de Incentivo à Agricultura Familiar no Maranhão sairá do Fundo Maranhense de Combate à Pobreza e de outras fontes estaduais e federais.

A Secretaria da Agricultura Familiar fica autorizada pela lei a doar equipamentos e materiais agrícolas aos beneficiários listados, desde que não fiquem ociosos ou sejam vendidos ou alugados. “Cuidar das pessoas é o objetivo e compromisso do Governo do Estado. Com ações concretas estamos fortalecendo e escrevendo uma nova história na agricultura familiar do Maranhão”, acrescenta Adelmo Soares.




Ex-presidente da Câmara de Pio XII é acionado por irregularidades



A Promotoria de Justiça da Comarca de Pio XII ingressou com uma Ação Civil Pública por improbidade administrativa e uma Denúncia, na esfera penal, contra Davi Ribeiro da Silva, ex-presidente da Câmara de Vereadores do município. As manifestações baseiam-se na desaprovação das contas do Legislativo Municipal no exercício financeiro de 2008.

De acordo com o Acórdão PL-TCE/MA n° 281/2011, do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão, foram realizados gastos sem os respectivos processos licitatórios, totalizando R$ 89.880,00. Entre os gastos estão a locação de um veículo e a contratação de serviços de assessorias jurídica e contábil.

Há, também, diversas despesas para as quais não foram apresentados os contratos ou comprovantes de pagamento, como os de consignações bancárias e pensões alimentícias retidos na folha de pagamento de vereadores e servidores da Câmara Municipal.

Para o promotor de justiça Thiago Lima Aguiar, “a conduta lesiva perpetrada pelo requerido consiste na realização de despesas sem os devidos processos de pagamento, pois ausentes recibos, notas fiscais, contratos e notas de empenho, situação que inviabiliza a fiscalização dos gastos”.

Além disso, Davi Ribeiro da Silva recebeu vencimentos superiores a 30% da remuneração dos deputados estaduais, que seria o limite estabelecido pelo artigo 29 da Constituição Federal.

Na Ação Civil Pública, além da condenação por improbidade administrativa, o Ministério Público requer que seja determinada a indisponibilidade dos bens do ex-gestor até o valor de R$ 130.216,08. Esse é o valor da multa à qual Davi Ribeiro da Silva está sujeito se condenado. Além disso, foi pedida a sua condenação ao pagamento de danos morais coletivos de, pelo menos, R$ 40 mil.

Já na Denúncia, o ex-presidente da Câmara municipal é acusado de cometer o crime previsto no artigo 89 da Lei de Licitações (8.666/93), ao “dispensar ou inexigir licitação fora das hipóteses previstas em lei, ou deixar de observar as formalidades pertinentes à dispensa ou à inexigibilidade”. A pena prevista é de detenção de três a cinco anos, além de multa.

Cumprindo com suas obrigações e respeitando o funcionalismo público, a Prefeitura de Zé Doca realiza pagamento do terço de férias





Cumprindo com suas obrigações, na contramão de muitos gestores, que enfrentam problemas administrativos porque não conseguem gerenciar a folha de pagamento, a prefeita de Zé Doca, Josinha Cunha (PR), realizou, no último sábado (13), pagamento do terço de férias para os servidores efetivos da Educação, Saúde e Administração.

No que diz respeito à educação: a valorização dos profissionais é um dos pilares do ensino-aprendizagem, falar de valorização implica em ter o direito do profissional garantido, o que consequentemente remete a uma educação de qualidade.

Respeitar o funcionário público é um dever de todo gestor.

Prédio da Funai é incendiado em Barra do Corda





Um posto da Fundação Nacional do Índio (Funai) situado no município de Zé Doca, a 302 km de São Luís, foi incendiado na última sexta-feira (12). Nesta segunda-feira (15) uma equipe da Polícia Federal deverá ir a região para iniciar as investigações.

A Fundação Nacional do Índio (FUNAI) é o órgão indigenista oficial do Estado brasileiro, responsável por promover os direitos dos povos indígenas no território nacional, garantidos pela Constituição de 1988. A instituição foi criada no ano de 1967.

Até o momento a Funai, a Polícia Federal e a Secretaria Estadual de Segurança Pública do estado Maranhão (SSP-MA) ainda não se manifestaram sobre o incêndio no posto da Funai em Zé Doca.

Do G1

O Blog confere direito de resposta ao prefeito de Cedral



Através de nota, prefeito de Cedral, Jadson Passinho Gonçalves, procurou o Blog do Walney Batista, na manhã de hoje (15), para fazer esclarecimentos sobre a matéria intitulada: ´´ MPMA aciona prefeito de Cedral por improbidade administrativa``, veiculada neste dispositivo. 

Lembrando, as informações contidas na matéria foram colhidas junto ao Ministério Público.



Senhor Jornalista.

            Tendo em vista matéria veiculada no BLOG WALNEY BATISTA e em respeito ao povo do Maranhão, solicitamos a Vossa Senhoria o Direito de Resposta, com base nos artigos 20, 30 e 40, todos da Lei n0 13.188/2015, a respeito da veiculação de notícia sobre o ajuizamento de Ação Civil Pública por Ato de Improbidade Administrativa, que o Promotor de Justiça da Comarca de Cedral-MA promove contra a minha pessoa, acolhendo denúncia anônima como o próprio afirma, solicitamos a publicação dos esclarecimentos anexo para salvaguardar minha honra pessoal e profissional, como homem público, trabalhador, íntegro e probo, com mais de 73 anos de idade.

                      Certo de que Vossa Senhoria atenderá nossa solicitação dentro da Lei, subscrevemo-nos,


                                                                 Atenciosamente



         MUNICÍPIO DE CEDRAL      

Jadson Passinho Gonçalves
 Prefeito Municipal


Nota de esclarecimento


PREFEITURA MUNICIPAL DE CEDRAL


Com base nos artigos 20, 30 e 40, todos da Lei n0 13.188/2015, a respeito da veiculação de notícia sobre o ajuizamento de Ação Civil Pública por Ato de Improbidade Administrativa, que o Promotor de Justiça da Comarca de Cedral–MA promove contra a minha pessoa, solicito a publicação do presente DIREITO DE RESPOSTA, o que faço a seguir:

Especificamente sobre a matéria – ação de improbidade administrativa promovida por suposta “ausência regular no expediente da Prefeitura” – informo que a Lei Orgânica do Município autoriza que o Prefeito fique continuamente fora dos limites do Município por até 15 (quinze) dias, sem necessidade de autorização do Poder Legislativo. Por óbvio, como ocorre com quaisquer dos Chefes do Poder Executivo (Presidente da República, Governadores de Estado e Prefeitos Municipais), pelo Princípio da Simetria, somente haveria necessidade de autorização do Poder Legislativo quando a ausência for superior a 15 (quinze) dias (CF, art. 49, inciso III) – pelo que facilmente se percebe que o fato não é ilegal, nem irregular, muito menos poderia ser considerado “improbidade administrativa”.

Outrossim, os agentes políticos (Presidente da República, Ministros de Estado, Deputados, Senadores, Governador de Estado, Prefeito, Vereador, Juiz de Direito, Promotor de Justiça, Secretários etc) não estão sujeito a controle de frequência, assiduidade, muito menos horário, de modo que não se pode cercear a liberdade de locomoção, direito garantido a todos os cidadãos no caput do artigo 5.º da Constituição Federal. A consecução das atribuições e responsabilidades do Prefeito Municipal e seus Secretários não se restringem à Prefeitura, nem mesmo aos limites do Município.

Tenho cumprido estritamente meu encargo, cioso das minhas obrigações e responsabilidade  em toda minha vida pública e ao longo deste primeiro ano de mandato, tanto que o Município de Cedral, durante o ano de 2017, está com pagamento de todos os servidores em dia, os serviços públicos essenciais em caráter de normalidade, com transparência, aplicação regular de recursos e cumprimento de leis e normas.

Diferentemente ocorria quando assumi o comando do Poder Executivo, em 01/01/2017, pois o Município encontrava-se em verdadeiro caos gerado pelo meu antecessor, em virtude de inúmeras ilicitudes cometidas, dentre elas: a) extrapolamento do limite de gastos com pessoal (quase 60%), b) inscrição de despesas não empenhadas em restos a pagar, c) não atendimento da Comissão de Transição, d) aprovação de Lei com aumento de despesa desacompanhada do relatório de impacto financeiro, e) dívidas diversas, f) obras inacabadas e em estado de abandono, g) hospital interditado pela Vigilância Sanitária, i) várias decisões judiciais sem cumprimento e onerando o Erário, j) nepotismo etc.

Todos esses fatos graves foram levados ao conhecimento do Promotor de Justiça de Cedral – MA, mediante representações e notícias de crime formuladas pelo Ente Público – sobre as quais não se tem conhecimento que tenha resultado em qualquer ação judicial por autoria do Ministério Público.

Não é demasiado lembrar que a atuação do Ministério Público contra mim foi covardemente provocada por “denúncia anônima”, como o próprio subscritor da ação confirma na sua narrativa fática. De se estranhar  que o Promotor de Justiça, que é titular e tem o dever de residir na Comarca, precisou de um “anônimo” para tomar conhecimento da suposta ausência deste prefeito, ao passo que, diferentemente, nas representações formalmente protocoladas na Promotoria de Justiça contra o ex-prefeito, por fatos gravíssimos, acompanhadas de provas, tenha o “Fiscal da Lei” e da minha assiduidade deixado de tomar providências até o momento... Afinal, a serviço de quem está Sua Excelência?

Registro que este é o meu 50 mandato de Prefeito Municipal, sempre decorrente da soberana e livre escolha da maioria do eleitorado. Nesses mais de 21 anos de exercício do cargo eletivo nunca tive minhas contas públicas rejeitadas por qualquer órgão de controle, bem como não há qualquer decisão judicial que atente contra as gestões por mim exercidas, seja de ordem criminal ou improbidade administrativa. Ademais, é bom registrar que nunca houve qualquer impugnação ao meu registro de candidatura perante a Justiça Eleitoral – algo raro, atualmente, para quem tem toda a vida pública dedicada à representação popular.

Em respeito ao Poder Judiciário, aos munícipes e à Lei Orgânica do Município de Cedral, e ao povo maranhense, apresentarei minha manifestação nos autos do processo, bem como tomarei as providências para salvaguardar minha honra pessoal e profissional, como homem público, trabalhador, íntegro e probo, com mais de 73 anos de idade, concluiu Jadson Gonçalves.



Cedral-MA, 11 de janeiro de 2018.

MUNICÍPIO DE CEDRAL
Jadson Passinho Gonçalves 
Prefeito 

domingo, 14 de janeiro de 2018

Ex-prefeito de Miranda do Norte sofre acidente durante rally em Presidente Dutra





O ex-prefeito de Miranda do Norte e pré-candidato a deputado federal, Júnior Lourenço, sofreu um acidente quando participava de um rally na zona rural de Presidente Dutra, hoje (14).

O veículo em que Júnior Lourença estava capotou várias vezes na descida de um morro.

Com ferimentos leves, o ex-prefeito e outro ocupante do veículo foram levados para o Hospital Regional de Presidente Dutra. Após serem atendidos, foram liberados.

Divulgando a pré-campanha, Júnior Lourenço tem participado desse tipo de evento em alguns municípios. 

Veja o vídeo


Informações do Blog do Gilberto Leda

Deputado Cleber Verde é vítima de estelionato e alerta para o golpe





O deputado federal Cleber Verde (PRB) usou as redes sociais, ontem (13), para anunciar que foi vítima de estelionato. Na última sexta, alguém teve acesso a sua linha telefônica e, através do WhatsApp, enviou mensagens para contatos da lista telefônica pedindo dinheiro emprestado.

Nas mensagens, o estelionatário(a), se passando pelo deputado, alegava que seu limite diário no Banco do Brasil tinha ultrapassado, e que precisava transferir determinado valor para uma suposta pessoa. Após o limite restabelecido, o dinheiro seria devolvido, aduzia.

Pelo menos uma pessoa revelou que chegou a depositar R$ 2 mil na conta do suposto beneficiário(a) ( estelionatário(a)).

O deputado alerta às pessoas: caso o aparelho celular fique sem serviço e surja problema com o aplicativo do WhatsApp, entrar em contato com a operadora, e  registrar um B.O.

Cleber Verde:
    Olá amigos e amigas. 


    Fui vítima de estelionato, ontem, 12 de janeiro, no horário de 9h às 19h, quando tive o número do meu telefone clonado por desconhecido, que utilizou minha linha telefônica para acessar o WhatsApp. A partir daí, ele se dirigiu aos meus contatos telefônicos para solicitar empréstimos financeiros, alegando que eu já teria ultrapassado meu limite diário do Banco do Brasil e precisaria transferir certa quantia para um suposto beneficiário, determinado e ide...ntificado na ocorrência, repassando-lhe tal quantia, e que, após a efetivação desse ato, eu me comprometeria a devolvê-la assim que restabelecesse meu limite diário. Chamo a atenção para esse fato, compartilhando essa informação com todos vocês, para preveni-los do ocorrido e orientá-los para que isso não aconteça com outrem. Caso seu aparelho fique sem serviço e surja a suspeita de problemas com seu aplicativo WhatsApp, procure imediatamente a sua operadora. Confirmando-se o golpe, registre boletim de ocorrência junto à delegacia mais próxima. Aguardo que as investigações possam levar à prisão desse delinquente.


    Grato pela atenção.


    Abraço,
    Cleber Verde

    Mensagens enviadas pelo criminoso(a)




    B.O registrado pelo deputado

    B.O registrado por uma pessoa que depositou o dinheiro

Maioria das pessoas rejeitam candidato aliado de Temer, revela pesquisa




No Maranhão, Temer tem não só um colega de partido, um aliado e conselheiro. Sarney sonha em voltar ao Palácio dos Leões. Para isso, conta com apoio de Temer na campanha da filha, Roseana Sarney . 

Para quem deseja sair vitorioso nas eleições deste ano, quando teremos disputa  para presidente, senador, deputado estadual e federal, o caminho fica menos complicado se não for aliado de Michel Temer (PMDB). Temer é um fator negativo. Ou melhor, sinônimo de derrota.

De acordo com pesquisa Ibope, divulgada neste domingo (14) pelo colunista de O Globo, Lauro Jardim, 90% dos entrevistados, pessoas das classes A, B e C usuárias de internet, revelaram que são contra candidato que defende o governo Temer. Apenas 5% disseram ´´sim``.

Na quesito corrupção, 42% e 44% avaliam que o nível de corrupção do governo Temer é igual ou maior que o registrado nos governos Lula e Dilma. Só 8% acreditam que a corrupção diminuiu.

A pesquisa foi realizadas nas dez maiores capitais do país.

A pesquisa serve, também, como alerta para aqueles deputados que pensam em votar a favor da Reforma da Previdência. A votação está marcada para acontecer no próximo mês de fevereiro.