terça-feira, 8 de dezembro de 2015

CIBRAZEM,em Lago da Pedra,deve voltar para o Estado



Repercute em Lago da Pedra o caso CIBRAZEM,área de 14.862.50 m²,1.48,62 ha,avaliado em mais de 3 milhões,com armazém que foi utilizado até meados dos anos 80 para estocar grandes quantidades de sacas de arroz e milho produzidos na região.

Sem utilização,o Estado concedeu que o Município fizesse uso do espaço.Até ano passado,2014,lá funcionava a creche.Após a construção da creche do Governo Federal,as crianças foram remanejados.O local ficou servindo de depósito para a prefeitura.

O presidente do Iterma,Mauro Jorge,denunciou que a prefeita Maura Jorge fez em 2011,de forma ilegal, doação do bem público (do povo) para a Fundação Deputado Waldir Filho,privada,de propriedade da família da prefeita.

Mauro Jorge diz ainda que o Estado vai requerer o espaço de volta.No local deverá ser construído o Restaurante Popular e o Núcleo de Tempo Integral do Governo do Estado.

A doação dependeria de aprovação do Poder Legislativo.O presidente da Câmara,Moisés do Lago Preto,emitiu certidão onde diz que não consta nenhum registro na Casa autorizando a doação do terreno.

Após denúncia do presidente do Iterma,o terreno foi cercado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.