Governo do Maranhão

Governo do Maranhão

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Anunciados investimentos de R$ 1,35 bi para o Porto do Itaqui



O governador Flávio Dino e o presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), Ted Lago, receberam autoridades, imprensa e a equipe da empresa, na tarde desta sexta-feira (29). Na oportunidade foram apresentados os resultados do Porto do Itaqui em 2015 e anunciados os investimentos da Emap para o biênio 2016/2017, que entre recursos públicos e privados, chegarão a R$ 1,35 bilhão (ver quadro).
Destes investimentos, R$ 254,5 milhões são de recursos próprios, gerados pela empresa, que contemplarão a mecanização de terminais já em operação, obras nos terminais externos, implantação de sistema informatizado de cargas e realização de concurso público. Com relação aos recursos privados estão previstas, dentre outras obras, a segunda fase do Terminal de Grãos do Maranhão e a construção de dois terminais por meio de recursos do Plano de Investimento Logístico (PIL) do governo federal, um para fertilizantes e outro para carga geral.
Na oportunidade, o governador Flávio Dino explicou que a ideia de fazer uma solenidade para apresentar resultados e investimentos do Porto do Itaqui se deu por três motivos. O primeiro, para agradecer a todos os trabalhadores da Emap, sem os quais não teria sido possível o alcance de tão expressivos resultados. Ele destacou a liderança de Lago na requalificação e modernização do Porto do Itaqui, consolidando-o como patrimônio do Maranhão.
O segundo, para cumprir com a obrigação fundamental da gestão pública, que é a de prestar contas. Nesse momento ele destacou os números obtidos em 2015, principalmente o lucro líquido, “que passou de uma previsão orçamentária de cerca de R$ 300 mil para quase R$ 70 milhões”, destacou o governador. Lembrou ainda que o porto é patrimônio do povo do Maranhão e que toda a riqueza gerada a partir dele deve se reverter em melhores condições de vida para o povo.
Por último, Flávio Dino afirmou que a solenidade foi pensada como forma de motivar todos a trabalharem e avançarem ainda mais, contrariando o discurso da crise. “Em vez de apostar na crise, estamos trabalhando na busca obsessiva por resultados que tragam desenvolvimento para o nosso estado. No caso do Porto do Itaqui, os investimentos anunciados demonstram o empenho em aplicar bem os recursos gerados para que se multipliquem ativando cadeias de negócios e gerando oportunidades de trabalho para os maranhenses”, concluiu o governador.
Recorde histórico
Dentre os resultados apresentados, o destaque foi para o recorde histórico de movimentação de cargas, que ultrapassou os 21 milhões de toneladas, número 21% maior do que a marca de 2014.
Com foco em austeridade e respeito ao dinheiro público, a Emap fechou o ano com redução de custos operacionais e despesas administrativas, num total de R$ 32 milhões, (26% menos que o realizado em 2014), além da economia de R$ 1,3 milhão com a suspensão de bônus e gratificação para presidente e diretores.
Ao final da cerimônia, Ted Lago falou sobre o quanto os resultados obtidos pelo Porto do Itaqui em 2015 aumentam as responsabilidades de todos. “Temos de continuar caminhando com foco e sendo realistas. Mas felizmente para isso temos uma equipe que entende a sua responsabilidade e agora, com o reconhecimento público feito pelo governador, certamente estará ainda mais motivada a continuar colhendo bons frutos. Vamos trabalhar para atrair novos investimentos para o Porto, gerando mais desenvolvimento para o estado do Maranhão, que é nosso fim maior”, afirmou o presidente da Emap.
INVESTIMENTOS 2016/2017
TERMINAIS DELEGADOS
R$ 23,024 mi - recursos próprios
Novo terminal do Cujupe
Requalificação do cais de São José de Ribamar
Benfeitorias no Terminal da Ponta da Espera
Construção de novas passarelas no Terminal do Cujupe
Alargamento das rampas de operação dos Terminais do Cujupe e Ponta da Espera
Nova unidade de segurança pública, cobertura Receita Estadual da Ponta da Espera
Melhorias estruturais no Porto Grande
BERÇOS
R$ 169.16 mi – recursos próprios
Finalização do berço 108
Construção do Berço 9x
Recuperação estrutural dos berços 103 e 106
Sistema Integrado de combate a incêndio
Sistema de carregamento e descarregamento de granéis sólidos
Construção de cais flutuante para atender a Policia Federal
PÁTIOS E RETROÁREAS
R$ 26,316 mi – recursos próprios
Adequação de áreas para armazenagem de contêineres
Substituição das torres de iluminação, vias e pátios com LED
Drenagem, pavimentação e sinalização de áreas e viasprimárias
Modernização do sistema elétrico
ACESSOS
R$ 15,74 mi
Alça de saída do terminal de grãos
Recuperação da rampa de acesso sul
Construção da portaria avançada e benfeitorias
Nova portaria sul e cerca da poligonal
MODERNIZAÇÃO DA GESTÃO
R$ 10.8 MILHÕES – recursos próprios
Concurso Público
Implantação do Sistema informatizado de Cargas
Sala Segura, Equipamentos de Informática e outros
Certificação ISO 14001,OHSAS 18001 E ACQUA SUSTENTABILIDADE
MANUTENÇÃO DA ÁREA PRIMÁRIA
R$ 10.51 mi – recursos próprios
Manutenção Elétrica, Civil, Mecânica e de Defensas
Conservação da Sinalização Nautica
Levantamento Hidrográfico/Batimetria
Dragagem dos Canais
RECURSOS PRIVADOS
R$ 1.093 bi
Segunda fase do Terminal de Grãos do Maranhão (Tegram)
Expansão de Terminal de Tancagem (Tequimar)
Ampliação das Instalações e Tubulações de Terminais de Tancagem
 GRANEL QUIMICA
Dutos de GLP – berço 104
Sistema de Recebimento de Fertilizantes - COPI
Infraestrutura para GNL
Terminal de Carga Geral - PIL
Terminal de Fertilizantes - PIL
TOTAL R$ 1.348.550.000,00


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.