quinta-feira, 2 de junho de 2016

Governo beneficia movimentos sociais com projeto ‘Quintal Produtivo’ para ampliar produção



Uma comitiva de oito pessoas do Sistema SAF, composto pela Secretaria de Estado da Agricultura Familiar- SAF, Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural- AGERP e Instituto de Colonização e Terras do Maranhão- Iterma, percorreram, no início desta semana, os municípios de Pedreiras, Lago dos Rodrigues e Lago do Junco para entregar 40 kits do Projeto Quintal Produtivo para os Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, Associações comunitárias e movimentos sociais na Regional de Pedreiras.
Os quintais produtivos são áreas que ficam nos arredores das casas usadas para o cultivo de frutas, verduras, ervas e plantas medicinais. Eles são importantes, pois, além de garantir alimentação saudável para a família, tornam-se uma fonte de renda extra.
O secretário da SAF, Adelmo Soares, informou que a família beneficiária recebe apoio do governo com o recebimento de equipamentos e materiais de trabalho, capacitação para execução dos trabalhos, assistência técnica e modelo de gestão.
Além da entrega dos kits agrícolas, nós vamos acompanhar e instruir os agricultores familiares para que sua produção aumente. Vamos trabalhar fortemente para que a produção seja comercializada no Programa de Aquisição de Alimentos- PAA e no Programa Nacional de Alimentação Escolar- PNAE e assim, resgatar a dignidade e qualidade de vida de quem precisa da terra para produzir”, explicou o secretário. Adelmo Soares informou ainda, que o Governo irá disponibilizar para a regional de Pedreiras 18 barracas de estruturas metálicas padronizadas, balanças eletrônicas, caixas de plásticos e de isopor, jalecos, bonés e camisas com identificação da Feira, para que os agricultores possam comercializar sua produção.
Para dona Maria de Jesus, conhecida como dona Dijé, do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (MIQCB) e moradora do município São Luís Gonzaga, a entrega dos equipamentos tem um marco importante porque é primeira vez que um Governo inclui os Movimentos Sociais no projeto Quintais Produtivos. “Esta é a primeira vez que nós somos beneficiados com esse projeto. Temos a expectativa de aumentar nossa produção com os equipamentos e esperamos aprender a manusear os equipamentos com a capacitação oferecida pelo Estado”, afirmou dona Dijé, vice coordenadora do MIQCB.
O presidente da Agerp, Júlio César Mendonça, disse que o órgão vai atuar para levar assistência técnica qualificada e continuada para os agricultores do Estado. “Nós trabalhamos focados para atender agricultores das 19 regionais da Agerp. Para o município de Lago dos Rodrigues, que estava com dificuldades porque não tinha assistência técnica efetiva, a Agerp vai disponibilizar um técnico agrícola para atender os agricultores”, anunciou o presidente Júlio, que informou ainda, que o Governo vai beneficiar 1.078 famílias com 384 kits.
Mauro Ferreira, presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Trizidela do Vale, a entrega dos equipamentos é uma oportunidade que antes os agricultores não tinham. “Muitos agricultores não tem condições de comprar equipamentos como estes que o governo está disponibilizando. Com esse governo muita coisa mudou, a gente está vendo que os agricultores familiares estão sendo valorizados. A falta de conhecimento é um entrave do agricultor no campo, com o acompanhamento da Agerp, com certeza nossa renda vai aumentar”, enfatizou Mauro Ferreira.
Para o coordenador de Departamento de Créditos e Projetos Associativos da SAF, Osvaldo Albuquerque, a finalidade do Projeto Quintal Produtivo é oferecer ao agricultor familiar uma estrutura onde o mesmo possa produzir o ano inteiro em uma área próximo de sua residência, com o objetivo de agregar valor e melhor utilizar a mão-de-obra da família. A área que o projeto compreende é de 1.000 m² e podem ser cultivados até seis culturas diferentes além das hortaliças. Durante um ano o agricultor, só nesta área, pode adquirir uma renda de aproximadamente R$ 30 mil.
Os Kits do Projeto Quintal Produtivos são composto, na parte agrícola de machado, carro de mão, pulverizador, enxada, regador, cavadeira, facão, foice, pá de bico, balde, bota de borracha, mácara, luva, capacete, balança de prato, caixa plástica para verdura, conjunto para jardim de 5 peças e na parte de irrigação contém bomba, tubos, micro aspersores, filtro de disco, válvula de sucção, mangote, abraçadeira, chave magnética.
Os locais de entrega dos kits foram na Associação em Áreas de Assentamento no Estado do Maranhão- ASSEMA e no Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Lago dos Rodrigues e Lago do Junco. Além do secretário da SAF e do presidente da Agerp, estavam presente os secretários Adjuntos da SAF, Chico Sales e Luciene Figueiredo, presidente da Assema e do STTR de vários municípios, agricultores familiares, vereadores e secretários municipais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.