Governo do Maranhão

Governo do Maranhão

sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Continua caça à vaquejada! Juíza suspende vaquejada que aconteceria neste final de semana em Palmeira dos Índios , Alagoas



Parece que perseguir vaquejada virou motivo de orgulho para juízes e promotores . De repente passaram a odiar o esporte nordestino. Enquanto isso, processos de outra natureza estão amontoados em prateleiras.

Do G1

Por meio de uma liminar, a juíza Clarissa Oliveira Mascarenhas suspendeu a vaquejada que iniciaria na quinta-feira (10), na cidade de Palmeira dos Índios, Agreste de Alagoas. O descumprimento da decisão gera multa de R$ 100 mil, além da apreensão dos instrumentos utilizados na vaquejada.

Na liminar, a juíza usou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que, por maioria dos votos, entendeu como cruel e maldosa a prática da vaquejada para sustentar a suspensão. Ela explica ainda que não fica impedido atrações musicais, desde que seja respeitado os requisitos legais.

Na quinta-feira, os organizadores da “25ª Vaquejada Ulisses Miranda 2016” decidiram adiar o evento que iria começar na tarde desta quinta-feira (10). O motivo é o impasse judicial após o Ministério Público do Estado de Alagoas (MP-AL) e a Defensoria Pública ingressarem com uma ação para cancelar a vaquejada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.