Governo do Maranhão

Governo do Maranhão

quarta-feira, 15 de março de 2017

Trabalhadores brasileiros pararam hoje em protesto contra a reforma da Previdência


O dia promete ser agitado pelo país. Trabalhadores de diversas categorias cruzam os braços por 24 horas. Na data que também marca a greve nacional da educação, professores fazem protesto unificado. Tudo em busca de uma causa única, um clamor dos brasileiros, contra as reformas Trabalhistas e da Previdência do governo Temer.

O dia promete ser longo, mas a causa é nobre.

A retirada de direitos é descabida, pois só servirá para fortalecer ainda mais banqueiros e grandes empresas de previdência privada.

Ainda será pior para mulheres que, apesar de enfrentarem duplas e triplas jornadas, terão a idade mínima igualada aos homens: 65 anos.

Mas o ataque é para todos. Para conseguir o benefício integral será preciso, além de 65 anos mínimos, uma contribuição de 49 anos. Na prática, só se aposenta integralmente quem começou a trabalhar aos 16 anos e contribuir ininterruptamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.