Governo do Maranhão

Governo do Maranhão
Envie informações,denúncias para: vauney-10@hotmail.com ,(99) 9 8137 5569 / 91793374 ou 8416 7976, sua informação será analisada e depois poderá se tornar matéria.

sábado, 3 de junho de 2017

Começa com frustração a caminhada de Sarney Filho para tentar chegar ao Senado




Muitas vezes, o começo de uma história antecipa como será o fim. É como num filme de luta. Antes do começo, já sabemos que o ator principal ( protagonista) vai apanhar, apanhar, apanhar e, no final, quase morto, com apenas um golpe, vai eliminar seu oponente. Isso é fato!

Pois bem. Assim como num filme, não é preciso ser vidente para prever como será o final da suposta candidatura de Sarney Filho (PV) para o Senado em 2018. Decepcionante para ele, família e seu grupo político.

Sarney Filho, deputado federal licenciado, ministro do Meio Ambiente, lançou sua pré-candidatura nesta sexta-feira (02), em São Luís.

Os poucos sarneystas que apareceram, entre eles Roseana Sarney (PMDB), João Alberto (PMDB), poucos deputados, menos de vinte prefeitos, pequena quantidade de vereadores, e algumas lideranças políticas, estavam visivelmente desconfortáveis. Edinho Lobão e o pai, senador Edson Lobão, que vai tentar a reeleição, nem lá apareceram.

No Maranhão serão disputadas duas vagas para o Senado em 2018. Portanto, Sarney Filho, Edson Lobão e João Alberto, se enfrentarão dentro do próprio grupo, além de enfrentarem os possíveis nomes, fortes, do grupo de Flávio Dino: Zé Reinaldo ( atualmente sem partido), Weverton Rocha (PDT) e Waldir Maranhão (PP). 

Detalhe: a ex-governadora Roseana Sarney  e o senador João Alberto, ficaram pouco tempo no evento.

Com sua candidatura em campo, Sarney Filho força a irmã, Roseana Sarney, disputar o governo do estado. Ela estava de olho no Senado.

Há uma encrenca, e das grandes. 

Do Blog Página2: entre os sarneystas, apenas uma certeza: o ato em apoio a Sarney Filho foi uma cartada do ministro do Meio Ambiente para evitar que a irmã o atropelasse outra vez evitando a candidatura ao Senado. Assim, acreditam os aliados de Sarney Filho, a ex-governadora terá que correr o risco de liderar uma chapa majoritária com a candidatura de dois filhos de Sarney. Uma temeridade jamais vista na política maranhense.

Um comentário:

  1. Nomes fortes do grupo flavio dino " waldir Maranhão e Zé reinaldo "kkkkkkkkkkkkkk
    esse blog so pode estar de brincadeira com o povo sofrido do Maranhão!

    ResponderExcluir

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.