Governo do Maranhão

Governo do Maranhão

terça-feira, 25 de julho de 2017

Exposições agropecuárias de Grajaú e Codó acontecem esta semana, com apoio do Governo do Estado




Como parte da intensa agenda de feiras e eventos agropecuários de julho, as exposições agropecuárias de Codó (Expocodó) e Grajaú (Expoagra) acontecem esta semana, com o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima).

O secretário da Sagrima, Márcio Honaiser, participou da abertura da Expoagra, na companhia do deputado federal Deoclides Macedo e do deputado estadual Rigo Teles. "Estamos vindo da Exposição Agropecuária de Porto Franco, onde a parceria e as ações com o Governo do Estado foram um sucesso, como certamente será aqui em Grajaú, um polo agropecuário tão importante``, destacou Deoclides Macedo.

Assim como nas feiras de Imperatriz e Porto Franco, a Sagrima leva ao público e aos produtores da região informações sobre os programas e serviços do Governo do Estado voltados para o setor agropecuário, como Mais Produção, Agropolos e a dispensa de licenciamento ambiental para pequenas propriedades.

"A presença do governo estadual nas feiras e eventos agropecuários é fundamental para que possamos reforçar a relação de diálogo e proximidade com os sindicatos rurais e de trabalhadores rurais do estado, além de mostrar que o estamos fazendo no setor, para que o Maranhão possa produzir cada vez mais e levar mais renda e oportunidades para todos", disse o secretário da Sagrima, Márcio Honaiser.

A Expoagra é promovida pela Associação dos Criadores de Grajaú (ASCIGRA) e sua  40° edição acontece no período de 22 a 30 de julho, no Parque de Exposições Zezé Santos, com o tema “utilizar o que temos de recursos para fazer melhor e diferente”. Já a 45° Expocodó também acontece até o dia 30, no Parque de Exposições Walter Zaidan.

O Governo do Maranhão está investindo quase R$ 2 milhões em 2017, para estimular a realização de feiras, exposições e festivais agropecuários. Esses recursos fazem parte da ampla política de apoio ao setor produtivo maranhense por meio de ações da Sagrima e da Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.