Governo do Maranhão

Governo do Maranhão

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Decretada prisão do irmão do prefeito de Pinheiro, por agressões físicas contra a ex-esposa





No período em que é lançada a campanha sobre o feminicídio, casos absurdos continuam acontecendo.

No último sábado (11), após frustrada tentativa de reconciliação, Luís André Silva Soares acabou agredindo a ex-esposa, a advogada Ludmila Rosa Ribeiro. 

Após conversarem em um restaurante na Lagoa da Jansen, em São Luís, no caminho, quando ia deixar Ludmila em casa, Luís André, que é irmão do prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio, com ciúmes, pediu que  a ex-esposa lhe entregasse o celular, achando que ela tinha conversas amorosas com outra pessoa. Após ter se  recusado a dar aparelho, Ludmila sofreu várias agressões físicas, foi jogada na rua, e por pouco não foi atropelada pelo homem.

Luís André foi preso, pagou fiança de 4 mil reais, e acabou sendo solto no último domingo.

Agora, o juiz Clésio Coêlho Cunha, durante o Plantão Criminal em São Luís, atendendo o pedido da promotora Bianka Sekkef Sallem Rocha, decretou a prisão de Luís André.

2 comentários:

  1. Um cara deste pode bater na mulher paga uma fiança e saí aí eu procurou para autoridade competente quando vai acabar isso nunca porque que tem dinheiro pode bater na mulher paga saí,pobre que não tem dinheiro cadeia nele porque país e este meu.

    ResponderExcluir
  2. Um cara deste pode bater na mulher paga uma fiança e saí aí eu procurou para autoridade competente quando vai acabar isso nunca porque que tem dinheiro pode bater na mulher paga saí,pobre que não tem dinheiro cadeia nele que país e este meu.

    ResponderExcluir

Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.