Governo do Maranhão

Governo do Maranhão
Governo do Maranhão

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Já são mais de 700 estabelecimentos comerciais em todo Maranhão credenciados no Bolsa Escola



No próximo dia 10 de janeiro,o recurso em cota única para compra de material escolar pode ser usado nos estabelecimentos credenciados.O Governo do Estado habilitou 700 estabelecimentos comerciais para a venda de material escolar,inclusive fardamentos e calçados,aos beneficiários do Bolsa Escola (Mais Bolsa Família).

O programa vai beneficiar mais de 1 milhão de estudantes da rede pública de ensino com idades entre 4 e 17 anos,impactando o desenvolvimento econômico dos municípios,com R$ 57 milhões transferidos pelo Governo diretamente às famílias maranhenses e que serão gastos nos comércios locais,já a partir deste mês.

Com o cartão desbloqueado,o que é feito através de uma ligação telefônica,o beneficiário terá 90 dias para realizar a compra do material nos estabelecimentos credenciados (cartaz na parede).


Depois que receber o cartão,o beneficiário deve ligar para o número 0800 da Ouvidoria.O número completo está na carta que acompanha o cartão Bolsa Escola.

Veja no link os estabelecimentos credenciados em sua cidade http://www.bolsaescola.sedes.ma.gov.br.

Veja o impacto econômico que o programa proporcionará em cada região:

Imperatriz: Mais de 25 mil crianças e jovens
R$ 1,1 milhão

Timon: Mais de 25 mil crianças e jovens
R$ 1,1 milhão

São Luís: Mais de 94 mil crianças e jovens
R$ 4,3 milhões

Raposa: Mais de 5.900 crianças e jovens
R$ 274 mil

Pinheiro: Mais de 14 mil crianças e jovens
R$ 668 mil

Tuntum: Mais de 7 mil crianças e jovens
R$ 327 mil

Lago da Pedra; Mais de 9 mil crianças e jovens 
R$ 450 mil

Bacabal: Mais de 18 mil crianças e jovens
R$ 850 mil

São Mateus: Mais de 8 mil crianças e jovens
R$ 371 mil

Coelho Neto: Mais de 9 mil crianças e jovens
R$ 452 mil

São Raimundo das Mangabeiras: Mais de 3 mil crianças e jovens
R$ 152 mil

Açailândia: Mais de 16 mil crianças e jovens
R$ 742 mil

Vargem Grande: Mais de 10 mil crianças e jovens
R$ 494 mil

São Francisco do Brejão: Mais de 1.700 crianças e jovens
R$ 81 mil

São João dos Patos: Mais de 4 mil crianças e jovens
R$ 190 mil

Codó: Mais de 25 mil crianças e jovens
R$ 1,1 milhão

Axixá: Mais de 2.800 crianças e jovens
R$ 130 mil

Santa Rita: Mais de 6.900 crianças e jovens
R$ 320 mil