sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Dos 18 deputados federais maranhenses apenas cinco não manda conta da refeição para Câmara



Enquanto o cidadão sofre as consequências de uma crise econômica, a grande maioria dos deputados federais aparecem em uma lista indigesta para o contribuinte.

E se por um lado, o trabalhador comum faz malabarismos para sobreviver, ter o pão à , por outro, a vida de parlamentar é de muitas regalias, de mesa farta por conta do trabalhador malabarista.

Segundo a revista Congresso em Foco, a Câmara gastou R$ 1,87 milhão com as refeições de deputados que pediram o ressarcimento de despesas com café da manhã, almoço, lanche e jantar, entre fevereiro e dezembro de 2015. Dos mais de 540 parlamentares que passaram pela Casa no primeiro ano da atual legislatura, apenas 123 optaram por não apresentar pedido de reembolso de seus gastos com alimentação. Desses, apenas cinco maranhenses abdicaram da regalia: Alberto Filho(PMDB),Cléber Verde(PRB),José Reinaldo(PSB),Sarney Filho(PV) e Waldir Maranhão(PP).

Veja a lista completa dos que não pediram ressarcimento à Câmara por despesas com refeição:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Blog do Walney Batista. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, preconceituosos, ou que incitem o ódio e a violência.
Obrigado por nos acompanhar!