quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

Flávio Dino cumpriu compromisso e criou Pacto pela Vida, diz G1





Antes de assumir o Governo do Maranhão, Flávio Dino elaborou uma série de propostas para a Segurança Pública. A ideia era reduzir rapidamente os índices de criminalidade, algo de fato alcançado. A queda dos homicídios na Grande São Luís, por exemplo, foi de 40% em 2017 na comparação com 2014. Entre as propostas que ajudaram nessa redução estava a criação do Pacto pela Vida. O compromisso foi cumprido, como mostra um levantamento nacional do G1.

Segunda a pesquisa, Flávio Dino já cumpriu ou está cumprindo 92% dos compromissos de campanha. Isso o coloca como governador mais eficiente em todo o Brasil. Ele também aparece no topo de uma lista com governadores, prefeitos de capital, presidente da República e ex-governantes. São 60 políticos no total. (Veja aqui: http://especiais.g1.globo.com/maranhao/2015/as-promessas-de-dino/#!/3-anos)

O portal do Grupo Globo lembra que Flávio havia se comprometido a implantar o Programa Pacto Pela Vida para “estabelecer um novo modelo de governança da segurança pública no estado”.

Trata-se de política pública transversal e integrada, construída de forma pactuada com a sociedade, em articulação permanente com o Poder Judiciário, o Ministério Público, a Defensoria Pública, a Assembleia Legislativa, os municípios e a União”, dizia a proposta.

O programa foi implantado”, diz o G1. A Lei do Pacto pela Vida foi aprovada pela Assembleia Legislativa, sancionada e publicada. “O Gabinete de Gestão Integrada (que faz parte do Pacto), uma das exigências da lei, está em funcionamento há mais de um ano, segundo o governo”, acrescenta o portal.

Além disso, o Maranhão tem hoje o maior efetivo policial da história do Estado, com mais de 12 mil profissionais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Blog do Walney Batista. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, preconceituosos, ou que incitem o ódio e a violência.
Obrigado por nos acompanhar!