sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Governo e Sinproesemma avançam na negociação da pauta salarial de 2018





O Governo do Estado e o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma) realizaram, na quinta-feira (25), reunião da mesa de negociação da campanha salarial em 2018. Este é o segundo encontro, em menos de um mês, entre o governo e o sindicato da categoria.

Participaram da reunião o subsecretário de educação, Danilo Moreira; os secretários adjuntos da Seduc, Nádya Dutra (Ensino), Ismael Cardoso (Programas e Projetos Especiais), Manoel Pedro (Gestão Institucional), Daniel Carvalho (Assuntos Jurídicos) e técnicos dos adjuntas das regionais, planejamento e orçamento; além do presidente do sindicato, Raimundo Oliveira, acompanhado de membros da diretoria.

Neste segundo diálogo foram criados grupos de trabalho para dar celeridade ao atendimento dos itens da pauta como a progressão na carreira, ampliação de jornada e unificação de matrícula docente e as gratificações de difícil acesso e áreas de risco, cujo processo está em trâmite na Secretaria da Gestão, Patrimônio e Assistência dos Servidores (Segep).

De acordo com Danilo Moreira, parte dos itens da pauta protocolada pelo sindicato na Seduc já está em andamento como o estudo do impacto financeiro orçamentário para a recomposição salarial em 2018.

"O Sinproesemma tem se demonstrado bastante atento, tanto é que a primeira reunião com a Seduc ocorreu já no dia 03 de janeiro. Da parte do Governo já avançamos itens importantes no atendimento da pauta como o concurso público anunciado pelo governador Flávio Dino, priorizando a educação no campo, indígena e quilombola, com a abertura de novos editais de ampliação e unificação de matrícula, entre outras medidas de valorização do profissional da educação como a regulamentação das gratificações de tempo integral e educação inclusiva, cuja ampliação está em andamento", pontuou o subsecretário da Seduc.

Danilo ressaltou, ainda, que os grupos de trabalho, criados na reunião, serão fundamentais para avançar no diálogo para a recomposição salarial em 2018 com o estudo de impacto financeiro.

O presidente do sindicato Raimundo Oliveira destacou a importância da reunião para o avanço da pauta. “Nossa expectativa e da categoria é que avancemos na pauta, principalmente quanto à recomposição salarial e de outros benefícios para a categoria além daquele que já obtivemos”, realçou.  

Durante a reunião, foi anunciada, ainda, a ampliação da gratificação da educação inclusiva para profissionais das salas multifuncionais, para além dos centros de educação especial, beneficiando cerca de 700 profissionais.

"Conheço a realidade de Açailândia e essas gratificações trarão muitos benefícios para os docentes que atuam nessa área", destacou Izabel Lins, secretária geral do sindicato.

A próxima reunião da mesa de diálogo será realizada na segunda quinzena de fevereiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Blog do Walney Batista. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, preconceituosos, ou que incitem o ódio e a violência.
Obrigado por nos acompanhar!