Governo do Maranhão

Governo do Maranhão
Governo do Maranhão

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Professores da rede municipal de ensino de Lago da Pedra reagem a aumento na carga horária





Professores de Lago da Pedra se reuniram na última quinta-feira (1º) na Câmara de Vereadores para definir ações contra o que está sendo chamado de retrocesso na educação municipal.

O aumento na carga horária, que está sendo colocado pela Secretaria de Educação,  provocou revolta nos educadores. Se confirmado, o número de aulas semanais para cada professor da rede municipal de ensino passará de 13 para 16 horas, podendo também a hora/aula passar de 50 para 60 minutos.

O encontro foi organizado pelo presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica das Redes Públicas Estadual e Municipais do Estado do Maranhão-Sinproesemma( núcleo de Lago da Pedra), Valdielson Moura.

A categoria ganhou apoio  dos vereadores Thiago Sá e Moisés do Lago Preto, ambos participaram da  reunião.

Com apoio do sindicato, os professores irão fazer campanha para que seja mantido o que, segundo o Sinproesemma, está na lei.

A diretora estadual do Sinproesemma, Janice Nery, enviou nota orientando o núcleo de Lago da Pedra.

Ocorre que, historicamente, no Brasil, a duração da hora/aula dos professores nas redes públicas, varia entre 45 e 50 minutos. Essa prática é reconhecida inclusive pela justiça, que já deu inúmeras decisões favoráveis aos docentes brasileiros”, explica a secretária.
O Sinproesemma também reafirma que a nota técnica do Ministério Público Estadual e Parecer 18/2012 do Conselho Nacional sobre o tema não têm nenhum valor jurídico, “pois são apenas recomendações e orientações”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Blog do Walney Batista. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, preconceituosos, ou que incitem o ódio e a violência.
Obrigado por nos acompanhar!