quarta-feira, 18 de abril de 2018

Nova sede da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa possibilita mais avanços ao órgão





A criação da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP) garantiu maior índice de solução dos crimes desta natureza. A instituição tornou possível ampliar, qualificar e especializar a investigação, alcançando aproximados 48% de elucidação dos casos. A SHPP funciona desde 2015, primeiro ano da gestão do governador Flávio Dino. Na última semana foi inaugurada a sede da Superintendência, na Beira-Mar, antigo prédio da Delegacia Especial da Mulher (DEM).

A SHPP é um órgão da Polícia Civil e integra a Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP). Possui quatro subdivisões, agregando os Departamentos de Homicídios da Capital (apura casos na Região Metropolitana de São Luís); do Interior (casos nos demais municípios); de Proteção à Pessoa (situações de latrocínios e desaparecimentos); e de Feminicídio (morte de mulheres por questão do gênero); além de contar com um Núcleo de Inteligência e uma Delegacia de Plantão 24 horas. O prédio possui 21 dependências, entre salas de administrativos, secretaria, banheiros, garagem e outros.

O titular da SHPP, delegado Lúcio Reis, destaca que estas são medidas pioneiras do governador Flávio Dino para fortalecer o trabalho policial e qualificar a segurança pública, melhorando o serviço prestado à sociedade. “Nossas equipes hoje têm acesso à estrutura adequada, tecnologia de ponta e condições para solução dos casos em breve tempo. Isso reflete nos números de mortes violentas, que apresentam redução gradativa. Nesta sede, dotada dos equipamentos para o trabalho das equipes e integrando os diversos núcleos de investigação de homicídios, teremos mais possibilidades de êxito”, destaca.

Em suporte às investigações dos homicídios, o Governo do Estado criou ainda a Delegacia Móvel, que apura os casos no local de ocorrência; e o Instituto de Genética Forense (IGF) que presta suporte nas análises de material. Integradas ao trabalho da superintendência estão ainda as delegacias de Polícia Civil nos municípios; o Instituto de Polícia Científica (IPC); e mais as delegacias de área Norte, Sul, Leste e Oeste. A SHPP funciona das 8h às 18 horas.

Redução da violência

Os investimentos do Governo do Estado na segurança pública refletiram na redução de crimes como os homicídios, que na Grande São Luís caíram 40% em 2017, no comparativo com 2014. O Maranhão se destaca em pesquisa da organização de sociedade civil mexicana sobre Segurança, Justiça e Paz, referente a 2017, que aponta a capital maranhense fora da lista das 50 cidades mais violentas do mundo. “É resultado do suporte investido em mais efetivo, equipamentos, armamentos, realização de concursos na área e melhorias salariais às polícias”, destaca o delegado Lúcio Reis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Blog do Walney Batista. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, preconceituosos, ou que incitem o ódio e a violência.
Obrigado por nos acompanhar!