quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Governadores vêem desprestígio em convite de Dória e reunião com Bolsonaro pode ser esvaziada


Com o pé atrás. É assim que parte dos governadores recebeu o convite do governador de São Paulo, João Dória (PSDB) para reunião com o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), nesta quarta-feira (14), em Brasília.
Com olhos voltados para 2022, Dória tomou a iniciativa com intuito de se cacifar como articulador e líder dos governadores junto ao novo governo de extrema direita.
O movimento político deixou irritados vários governadores que viram na ação açodamento político do tucano e desprestígio do presidente eleito para com os chefes de executivos estaduais.
Há desconfiança até mesmo entre os próceres do novo governo quanto ao sucesso do evento, que, segundo agência Brasil, ainda não foi confirmado por Bolsonaro.
A primeira demonstração de descontentamento veio dos governadores do Nordeste. A região será representada no evento pelo governador reeleito do Piauí, Wellington Dias (PT).
Analistas da cena política nacional consideram incerto o resultado da empreitada de João Dória como espécie de porta voz dos governadores. É aguardar pra conferir.
Com informações do Blog do Clodoaldo Corrêa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Blog do Walney Batista. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, preconceituosos, ou que incitem o ódio e a violência.
Obrigado por nos acompanhar!