sexta-feira, 14 de junho de 2019

Audiências do Orçamento Participativo chegam a região do Pindaré


Estudantes participal de audiência do Orçamento Participativo (Foto: Marcelo Gomes)


Dando continuidade as 35 audiências do Orçamento Participativo (OP), nesta quinta-feira (13), foi a vez da região do Pindaré, na cidade de Santa Inês, indicar quais são as prioridades para a localidade. Durante todo o dia, a população teve a oportunidade de debater e sugerir ações que devem ser implementadas no ano de 2020, por meio da Lei Orçamentária Anual (LOA) e também no Plano Plurianual (PPA) 2020-2023.

Quem não perdeu a oportunidade de sugerir ações para sua comunidade foi a coordenadora das Organizações e Articulações dos Povos Indígenas do Maranhão, Marcilene Guajajara, da terra indígena Caru, aldeia Maçaranduba. “É uma honra os povos indígenas participarem e dizerem o que realmente é preciso que seja implementado na região. Nós propusemos que sejam destinados mais recursos para duas áreas em especial, saúde e meio ambiente, focando na questão do desmatamento”, destacou a coordenadora.

Raile Silva tem 17 anos e reconhece a necessidade de participar dos debates sobre o orçamento para a sua região. “Eu acho importante pra gente estar presente para discutir e propor melhorias para a nossa educação. A audiência foi realizada aqui na escola em estudo, no Centro de Ensino Bandeira Tribuzzi, portanto mais um motivo para eu e todos os meus colegas estarmos engajados em buscar melhorias”, afirmou a estudante.
Mesa de abertura do OP em Santa Inês (Foto: Marcelo Gomes)

Em momentos como esses as pessoas tem oportunidade de debater, levantar suas necessidades e exigir o que lhe é de direito para fazer um Maranhão cada vez melhor para todos os maranhenses”, pontuou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e vereador de Santa Inês, Manoel Macedo.
Representando a Secretaria de Estado Extraordinária de Articulação das Políticas Públicas (Seepp), a assessora técnica Ana Lúcia Nunes destacou que as audiências do Orçamento Participativo representam uma das principais características do Governo do Estado, atuação com a efetiva participação popular.

Este é um momento ímpar para todos juntos, estudantes, associações de moradores, sindicatos, lideranças comunitárias, governos municipais, junto com o Governo do Estado, refinarem as propostas relacionadas as justiças sociais, infraestrutura, desenvolvimento e modernização da gestão. É mais do que necessário o olhar da população, pois ela é que sabe quais ações são prioridades para a região, pois o Maranhão é um estado muito grande e com diferentes necessidades”, esclareceu.

O secretário adjunto de Licenciamento da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Diego Matos, também participou da audiência do OP em São Inês. Ele destaca a importância de momentos como este de escuta da população. “Esse é um momento crucial com a inclusão dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) nesse nosso planejamento de Estado pros próximos quatro anos, ou seja, por meio de ações locais estamos focando em metas que se dão em âmbito mundial. Pensar globalmente, agir localmente”, ratificou.

Grupos de trabalho OP em Santa Inês (Foto: Marcelo Gomes)
Também participaram representando o Governo, Laurinda Pinto, assessora especial do governador; Aristeu Marques, coordenador das regionais de Saúde; e Juliana Alves, superintendente de projetos especiais da Secretaria de Estado de Planejamento e Orçamento (Seplan).

Audiências do Orçamento Participativo 

Esta já é a terceira semana de escuta da população por meio das audiências do Orçamento Participativo. No próximo dia 18 de junho, será a vez dos moradores das regiões de Itapecuru-Mirim, Colinas, Rosário e Codó afirmarem quais são suas prioridades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Blog do Walney Batista. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, preconceituosos, ou que incitem o ódio e a violência.
Obrigado por nos acompanhar!